Mensal

0
Michel Temer e Dilma Rousseff. Boletim Econômico Mensal 013 PRO.

Esse é o Boletim Econômico Mensal 013 PRO.

No relatório mensal analisamos a atividade econômica, o mercado de trabalho, o nível de preços, a política monetária e o câmbio (BRL/USD).

A partir da análise dessas cinco grandes variáveis macroeconômicas, apresentamos alguns cenários e atualizamos nosso cenário de referência. Assim, você pode se planejar e se antecipar aos movimentos da economia.

Além disso, para você que é PRO, apresentamos detalhadamente nossa leitura sobre os antecedentes dessas grandes variáveis macroeconômicas para que você compreenda e acompanhe o que está por trás de nossas análises e projeções.

Qualquer dúvida, crítica, comentário ou sugestão, entre em contato conosco.

O restante deste conteúdo é restrito para membros. Para ter acesso ao conteúdo completo, clique aqui! Se já é membro, faça o login:

Quer acompanhar o Boletim Econômico Mensal 013 PRO? Simples: #SejaPRO e suba de nível!

0
Michel Temer e Dilma Rousseff. Boletim Econômico Mensal 013.

O Boletim Econômico Mensal 013 está no ar.

No relatório mensal analisamos a atividade econômica, o mercado de trabalho, o nível de preços, a política monetária e o câmbio (BRL/USD).

A partir da análise dessas cinco grandes variáveis macroeconômicas, apresentamos um cenário base e suas respectivas projeções, atualizando o cenário de referência da Análise Econômica Consultoria.

Acompanhe abaixo o Boletim Econômico Mensal 013 e nossa tabela de projeções.

Qualquer dúvida, crítica, comentário ou sugestão, entre em contato conosco.

Atividade Econômica (PIB)

O ano de 2017 começou com muitas expectativas. Parte significativa delas, ao nosso ver, ocorreram por questões políticas. Em outras palavras, dados os problemas políticos que o país está inserido, o “vácuo” até o início de março deixou uma sensação de “está tudo sob controle”. A postergação de alguma decisão sobre o processo da chapa “Dilma-Temer” tem peso importante nesse cenário. A política segue, portanto, no centro. E, complementarmente, o grande vetor de retomada (os investimentos) não aponta para algo novo no front.

Mercado de Trabalho (PNAD)

A taxa de desocupação explodiu no início de 2017. Nós terminamos 2016, com um patamar de 12% (aproximadamente 12,3 milhões de desocupados). Em janeiro, a taxa subiu para 12,6% (quase 12,8 milhões). Em fevereiro, a taxa registrou nova alta, para 13,2% (mais ou menos 13,5 milhões de desocupados).

Nível de preços (IPCA)

O nível de preços no país está em clara tendência de desaceleração (desinflação). Três vetores são fundamentais para compreender esta desaceleração: o ajuste recessivo da economia; a queda dos preços de commodities importantes no mercado internacional; menor volatilidade do câmbio. Isso colocará o IPCA abaixo do centro da meta em 2017.

Política monetária (juros)

Como temos destacado, agora é evidente que o Banco Central acelerará um pouco o ritmo de normalização da política monetária, atento à atividade econômica em solo brasileiro e aos movimentos do Federal Reserve. Nesse sentido, o mais provável é que a Selic chegue a 8,25% no final de 2017.

Câmbio (BRL/USD)

O real segue em patamar mais valorizado frente ao dólar, nas últimas semanas. Em dezembro, a cotação registrada foi de R$ 3,26. Em janeiro, o real valorizou para R$ 3,13 e, em fevereiro, já alcançou o patamar de R$ 3,09. Atualmente, estamos no patamar de R$ 3,16. Acreditamos que o câmbio seguirá entre R$ 3,10~R$ 3,20.

Tabela de Projeções Macroeconômicas

Tabela de Projeções Macroeconômicas - Boletim Econômico Mensal 013.

Clique aqui para visualizar o Boletim Econômico Mensal 013 em pdf. Veja também o Boletim Econômico Mensal 013 PRO.

Gostou do Boletim Econômico mensal 013? Quer saber mais? #SejaPRO e tenha acesso completo a projeções, cenários e mais.

0
Boletim Econômico Mensal 012 PRO

Esse é o Boletim Econômico Mensal 012 PRO.

No relatório mensal analisamos a atividade econômica, o mercado de trabalho, o nível de preços, a política monetária e o câmbio (BRL/USD).

A partir da análise dessas cinco grandes variáveis macroeconômicas, apresentamos alguns cenários e atualizamos nosso cenário de referência. Assim, você pode se planejar e se antecipar aos movimentos da economia.

Além disso, para você que é PRO, apresentamos detalhadamente nossa leitura sobre os antecedentes dessas grandes variáveis macroeconômicas para que você compreenda e acompanhe o que está por trás de nossas análises e projeções.

Ainda não é PRO?

Seja PRO e tenha acesso completo a projeções, cenários e mais. Clique aqui.

Qualquer dúvida, crítica, comentário ou sugestão, entre em contato conosco.

O restante deste conteúdo é restrito para membros. Para ter acesso ao conteúdo completo, clique aqui! Se já é membro, faça o login:

0
Boletim Econômico Mensal 012

O Boletim Econômico Mensal 012 está no ar.

No relatório mensal analisamos a atividade econômica, o mercado de trabalho, o nível de preços, a política monetária e o câmbio (BRL/USD).

A partir da análise dessas cinco grandes variáveis macroeconômicas, apresentamos um cenário base e suas respectivas projeções, atualizando o cenário de referência da Análise Econômica Consultoria.

Acompanhe abaixo o overview e, ao final do post, relatório completo.

Quer saber mais e estar por dentro dos movimentos macroeconômicos, acompanhar os detalhes e projeções de mais variáveis?

Seja PRO e tenha acesso completo a projeções, cenários e mais. Clique aqui.

Qualquer dúvida, crítica, comentário ou sugestão, entre em contato conosco.

Atividade Econômica (PIB)

O governo tem falado diariamente que o pior já ficou para trás e que a economia pode registrar crescimento já no primeiro trimestre de 2017. Contudo, o processo de desalavancagem (ou seja, de redução das dívidas e outros compromissos) de empresas e famílias continua e não permite que enxerguemos tal resultado, a não ser, talvez, a partir do segundo semestre de 2017.

Mercado de Trabalho (PNAD)

Com as empresas ainda demitindo e mais gente procurando alguma ocupação, acreditamos que o primeiro trimestre registrará elevação do nível de desocupação, sendo que o mercado de trabalho registrará alguma estabilidade somente a partir do 2º semestre deste ano.

Nível de preços (IPCA)

O governo anunciou no início de fevereiro o reajuste das tarifas de energia elétrica, importante item da cesta de bens e serviços. O reajuste deve garantir um patamar mais elevado do nível de preços em março e abril, mas aparentemente, nada que impacte fortemente na trajetória do nível de preços até o final do ano.

Política monetária (juros)

Acreditamos que o Banco Central adotará certa moderação no ritmo de normalização da política monetária, atento à atividade econômica em solo brasileiro e aos movimentos do Federal Reserve.

Câmbio (BRL/USD)

No curtíssimo prazo, esperamos continuidade do movimento de valorização do real que impactará negativamente nas exportações, especialmente de bens de maior valor agregado, mas a sua tendência, caso não haja intervenção do Banco Central, é manter-se no patamar de R$ 3,20.

Tabela de Projeções Macroeconômicas

tabela

Clique aqui para visualizar o relatório em pdf.

0

O Boletim Econômico Mensal 011 PRO está no ar.

No relatório mensal analisamos a atividade econômica, o mercado de trabalho, o nível de preços, a política monetária e o câmbio (BRL/USD).

A partir da análise dessas cinco grandes variáveis macroeconômicas, apresentamos alguns cenários. Assim, você pode se planejar e se antecipar aos movimentos da economia.

Além disso, para você que é PRO, apresentamos detalhadamente nossa leitura sobre os antecedentes dessas grandes variáveis macroeconômicas para que você compreenda e acompanhe o que está por trás de nossas análises e projeções.

Ainda não é PRO?

Seja PRO e tenha acesso completo a projeções, cenários e mais. Clique aqui.

Qualquer dúvida, crítica, comentário ou sugestão, entre em contato conosco.

 

O restante deste conteúdo é restrito para membros. Para ter acesso ao conteúdo completo, clique aqui! Se já é membro, faça o login:

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS